Hospital em Piraquara inaugura mais 60 leitos para adolescentes dependentes químicos

Hospital em Piraquara inaugura mais 60 leitos para adolescentes dependentes químicos

Hospital San Julian passa agora a ser o maior hospital psiquiátrico da região sul do país, com 420 leitos

Nova ala com mais 60 leitos inaugurada no Hospital San Julian – Foto: Banda B

O Hospital San Julian, uma referência no resgate de usuários de drogas no país, inaugurou nesta terça-feira (19), mais uma ala com 60 leitos que serão utilizados exclusivamente no atendimento de adolescentes. Localizado em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, o hospital passa agora a ser o maior hospital psiquiátrico da região sul do país, com 420 leitos. Deste total, 260 leitos são para dependentes químicos adultos; 60 leitos para dependentes químicos adolescentes e 100 leitos para pacientes psiquiátricos.

O hospital é filantrópico e atende pacientes masculinos pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Para Affonso Antoniuk, presidente da Associação San Julian, mantenedora do hospital, a ampliação do hospital vai oferecer agora a oportunidade de oferecer atendimento específico para adolescentes usuários de drogas, o que antes não era possível. “Este pavilhão vem para que possamos atender estes adolescentes que, muitas vezes, caem nas drogas porque não tiveram orientação, apoio ou porque se envolveram com más companhias. É um atendimento específico com muita qualidade. Tudo para que estes jovens voltam para a sociedade e tenham uma nova chance”, afirmou o presidente em entrevista à Banda B, durante a cerimônia de inauguração nesta terça-feira.

O deputado Luiz Carlos Martins acompanha e apoia o trabalho do Hospital San Julian. “É fundamental darmos todo o suporte por meio do Governo federal, do Governo do Paraná, da prefeitura de Piraquara e de toda a sociedade para que o Hospital San Julian possa continuar oferecendo este atendimento de qualidade na recuperação de dependentes químicos e pacientes psiquiátricos. Os resultados estão aí. Nestes quase 50 anos, milhares de pessoas conseguiram retomar a própria vida graças ao esforço desses profissionais”, afirmou Martins.

Atendimento gratuito

O Hospital San Julian atende integralmente pelo sistema público de saúde. Affonso Antoniuk explica que a principal fonte de renda da unidade é do governo federal, mas é fundamental o complemento do governo estadual e também doações de parceiros e particulares.

“Enquanto muitos hospitais psiquiátricos e de recuperação de dependentes químicos fecham as portas no país, sem apoio, aqui temos conseguido ampliar o número de leitos e assim salvar vidas. Temos muitos pacientes que voltam para agradecer a segunda chance que tiveram depois que passaram pelo tratamento. Isso é muito gratificante”, afirmou Antoniuk.

A Associação San Julian possui uma equipe terapêutica multidisciplinar composta por 200 profissionais, entre eles, médicos psiquiatras e clínicos, psicólogos, assistentes sociais, terapeutas ocupacionais, educador físico, farmacêuticas, musicoterapeuta, nutricionista e equipe de enfermagem.

Uma das atividades de lazer para pacientes do San Julian – Foto: Associação San Julian

Quase 50 anos

Fundado em 1968, o Hospital San Julian já realizou mais de 100 mil atendimentos a pacientes dependentes químicos e com transtornos mentais de todo o estado do Paraná.

O Hospital San Julian, é mantido pela Associação San Julian, instituição filantrópica, sem fins lucrativos e especializada em tratamento para dependentes químicos e pessoas com transtornos mentais, com atendimento a adolescentes, adultos e idosos do sexo masculino, exclusivamente pelo Sistema Único de Saúde – SUS.

Como ajudar

Mais informações sobre o Hospital e como ajudar, clique no site da Associação San Julian: http://sanjulian.com.br/

 

Luiz Carlos Martins